• Acesse a área exclusiva:

Gravidez pós-bariátrica



Gravidez e obesidade não combinam. Assim, muitas mulheres buscam na cirurgia bariátrica a solução para uma gestação mais plena e segura. Ela representa um grande ganho, pois sua realização diminui as chances da mulher desenvolver eclampsia, sofrer abortos e até ter um parto prematuro, além de proteger o bebê das mesmas doenças.

A gestação só é recomendada após 18 meses da realização da cirurgia e, claro, depois de um acompanhamento médico. Esse tempo deve ser respeitado, pois o corpo perde muitos nutrientes e vitaminas gerando fatores que podem prejudicar o bebê. Assim, as deficiências nutricionais devem estar devidamente tratadas antes de se cogitar alguma concepção.

Estudos apontam que engravidar antes do período indicado, aumenta as chances de abortos em 50%, além de riscos de problemas neurológicos e partos prematuros.

Um alerta! Durante esse meses de pós-operatório, as mulheres que tomam o anticoncepcional oral devem reforçar a prevenção com o uso do preservativo, pois a pílula pode não ser adequadamente absorvida pelo organismo.

grav

Fonte: Folha de S.Paulo


Deixe seu comentário




Voltar

Agendamento Online